terça-feira, 21 de junho de 2016

Makoto Shinkai na Netflix #3 - 5 Centimeters Per Second (2007)

Dentre os filmes do Makoto Shinkai que estraram em junho no pacote de exibição na Netflix, este é o mais belo ou senão o mais reflexivo. 5 Centimeters Per Second

(Byosoku Go Senchimetoru) é um tipo de filme que o espectador tem que - acima de tudo - ter uma noção do estilo do diretor/roteirista antes de qualquer coisa e só depois começar a assistir com calma e se deixar levar pela trama.

A obra se consiste em três episódios. O primeiro, chamado Cherry Blossom, introduz o personagem central do filme, Takaki Tono e sua grande amiga Akaki Shinohara, durante os anos 90. Devido a afinidade de ambos, eles guardam seus sentimentos em segredo (note que a forma de ligação deles também influencia no modo como se chamam, sem qualquer uso de honoríficos). Por circunstâncias, os dois tiveram que se separar, uma vez que Akari teve que se mudar para a província de Tochigi. Os dois marcam um encontro numa intensa noite de frio do final de inverno, o que acaba ocorrendo num desencontro melancólico e poético.

O segundo episódio, intitulado Cosmonaut, leva Takaki para anos depois, onde ele está no terceiro ano do ensino médio e mora próximo ao Tanegashima Space Center (que serve como um elemento para este arco). Lá a sua colega de classe Kanae Sumida carrega uma iludida paixão por Takaki e sofre por não ter forças para declarar seus sentimentos por ele.

Já no terceiro e último episódio, que leva o nome do filme, Takaki trabalha como programador de computação em Tóquio. Este está ligado ao primeiro episódio e mostra o rumo do protagonista de sua amada Akari. Aqui é o ponto decisivo do filme que leva o espectador a refletir sobre a vida. Se você espera por um final feliz, a dica que eu dou é de não manter expectativa nenhuma. Porém o filme termina com a música "One More Time, One More Chance" de Masayoshi Yamazaki. Uma pancada violenta pra maltratar corações. (Recomendo um check up completo antes de assistir).

5 Centimeters Per Second teve sua primeira parte lançada via streaming pelo Yahoo! Japan em fevereiro de 2007, servindo como amostra antes de sua estreia em 3 março do mesmo ano. O filme contou mais uma vez com a trilha sonora do Tenmon, que é parceiro de Shinkai em suas obras. Em julho de 2007, o filme venceu na categoria de Melhor Filme de Animação do Asia Pacific Screen Awards. Em 2010, 5 Centimeters Per Second foi adaptado em mangá, tendo dois volumes publicados pela revista Monthly Afternoon, da editora Kodansha, e ilustração de Seike Yukiko.

Impossível não curtir esta trama. Uma ótima opção para conhecer outros trabalhos na esfera da animação japonesa e se emocionar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário