quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Kamen Rider Gaim termina com chave de ouro e uma nova chance para Mitchy

Gaim e Ryugen juntos para a última batalha

[SPOILERS]

O final de Kamen Rider Gaim foi incrível. Coisa pra deixar saudades e ficar marcada na memória de quem assistiu esta maravilhosa série. O epílogo serviu pra mostrar o que aconteceu com os demais personagens que ficaram em Zawame City, meses depois dos ataques dos Overlords.

Aqui o Mitchy teve sua justa remissão e ficou responsável para proteger a cidade no lugar de Kouta. O nosso herói se tornou o tal "Homem do Começo" (Hajimari no Otoko) e foi com Mai para criar um novo mundo. Simplesmente a luta final entre Gaim Kiwami Arms (Kouta) e Ryugen (Mitchy) foi digna de um último episódio. Aliás, Mitchy mereceu essa chance e foi bem melhor do que ele morrer no final, como foi o caso de Masato Kusaka/Kamen Rider Kaixa de Kamen Rider 555 (Faiz). O garoto se mostrou um grande personagem. E como vilão que foi nos momentos finais, ele foi um dos mais marcantes da história dos tokusatsus. Um "bom" vilão, muitas vezes, é aquele que você sente raiva dele até dizer chega. E quantas vezes este blogueiro não teve umas vontades de dar uns tapas no escutador de novela dele, hein.

E fica minha dica para quem ainda não assistiu e está lendo estes spoilers - sem culpa nenhuma no juízo. Assista esta série do início ao fim. Tenha paciência e não vá na onda dos pré-julgamentos do tipo "ah, o Rider-fruta! Bagh!". Veja por si próprio e tire suas próprias conclusões. Talvez você tenha a mesma opinião ao finalizar. Garanto que não se arrependerá.

E que venha o Kamen Rider Drive no próximo domingo. Parabéns a Toei Company por esta ótima série de Kamen Rider.

Um comentário:

  1. Ótimo texto. Concordo plenamente, não se pode julgar um tokusatsu pelo tema, mas sim pela história.

    Gaim foi fantástico! Pra mim, um dos melhores Riders até agora.

    Na expectativa de Drive agora...

    Abraços!

    ResponderExcluir