sábado, 4 de outubro de 2014

A suposta "censura" de TERRAFORMARS, a falta de informação de otakus e a prestação do falso serviço

TERRAFORMARS deveria ser mais violento do que já é?

Estava eu de passagem nesta semana por uma certa fansub (que não vou citar o nome por questões de ética) e acabei me deparando com alguns causos bem curiosos quanto aos comentários do primeiro episódio de TERRAFORMARS. O anime estreou no Japão pela TOKYO MX na semana passada e pode vista no Brasil via Crunchyroll.

Eis uns comentários que me chamaram mais atenção:

- "só acho q terra formars vai ter 12 episódios. censura d acaba com o anime..."

- "Terra Formars é muito foda, mas a censura está acabando com o anime. Eles deviam exibir os episódios depois da meia-noite."

- "Pode ser as 4 da manhã que vai ter censura. É lei no Japão, assim como os filmes pornôs também tem por lá..."

- "Velho, parei de assistir esse Terra Formars, censura escrota FDP."

- "Terra Formars está bom. Os humanos têm que reagir. Para quem está falando sobre a censura: Para que tanta obsessão por violência? Psicopatas."

Tenho que ser mais que obrigado a concordar com este último comentário, pela coerência absoluta. Ao contrário dos comentários anteriores. Quem assistiu ao primeiro episódio se deparou com uma cena violenta mesmo que deixo pra quem não viu ainda opinar. Mas poxa, será que uma excedência à uma carnificina que tanto alguns querem - mais do que já tinha ido ao ar - ou a falta dela mexe com toda a história ou com a qualidade do roteiro? Pera lá. Vamo com calma, criançada. A coisa foi bem parecida com quando Os Cavaleiros do Zodíaco foi adaptado do mangá para o anime.

Quanto à censura, se ela tem força ou não nas madrugadas, é outro assunto. Mas se bem já vimos, não muito distantemente, braços sendo torados em animes como Mahouka Koukou no Rettousei e Re: Hamatora, já vimos bustos e nádegas praticamente à mostra em Kill la Kill e por aí vai. Que bem me lembro, o anime Saikin, Imouto no Yousu ga Chotto Okashiin Da Ga sofreu censura em janeiro deste ano por passar na faixa das 22:00 de sábado na TOKYO MX, pelas cenas de puro apelo sexual e de incesto. Teve que mudar de horário no mês seguinte para as madrugadas de terça para quarta na mesma emissora. E é um anime pra se passar bem longe, mas bem longe mesmo de tão ruim e nojento que é.

Outra incoerência que me chamou a atenção era quanto à falta de informação que muitos dependentes de fansubs tem por aí em plena era digital. TERRAFORMARS é exibido sim depois da meia-noite. Ás 24:30 de sexta (0:30 de sábado) pra ser mais exato. Falta uma procura de uma fonte confiável pela juventude. Talvez seja medo/desconfiança de pesquisar numa Wikipédia estrangeira. Neste caso eu recomendaria as versões em inglês e japonês por ter fontes fidelíssimas. O fato de ter 13 episódios (e não 12 como foi equivocadamente dito) não significa que a série será ruim. O negócio é assistir do inicio ao fim, já que a série é curta mesmo. Até aqui, TERRAFORMARS é um anime interessante e não passa disso, por enquanto. O primeiro episódio teve uma base bem introdutória que não explica muita coisa. É cedo demais pra julgar e dizer se irá vingar ou não. Normal para um tempo de estreias. Ainda tenho que assistir ao segundo episódio. Depois comento mais sobre o anime aqui no blog.

Volta e meia me deparei com pedidos de animes que nem sequer a tal fansub deu satisfação em responder se vai legendar ou não. Se vai continuar ou resfriar na geladeira, etc. Ainda bem que temos algo oficial no país, né? Aliás, atualmente as fansubs de animes estão atrapalhando mais do que ajudando. Verdade seja dita. Antes, quando não tínhamos serviço oficial para o meio, tudo era feito pra divulgar. Mesmo sendo ilegal. Agora que temos algo oficial - e que não tem o que doutor reclamar, as mesmas fansubs continuam legendando novos animes que estão sendo licenciadas atualmente no Brasil. Tá certo que a questão de licenciamento é algo que não depende da Chunchyroll e da Netflix, e sim das distribuidoras que os levam para estes serviços.

Já que é a função das fansubs foram sempre de divulgar materiais inexistentes no país, então por que competir com algo que é mais rentável e é mais dinâmico? Não seria melhor e mais prático legendar apenas as séries que não estão licenciadas no Brasil?

É isso. Fica com as "manivelas" quem gosta de sofrer com as "manivelas". Se duvidar, ano que vem vai ter até "trânsito aéreo" pra facilitar e haverá oposição...

Um comentário:

  1. Bela colação, mas se me permite, irei expressar minha opinião ok ?

    Sim, eu acho que a legenda esta muito forte, não digo que deixa de ser bom, porem atrapalha bastante pois as faixas pretas são mt grande e toda hora.

    Sobre o licenciamento, bem, enquanto chunchyroll não legendar direito não vai pra frente... isso e algo que não da pra discutir, Eles dublam o nome, não bota o nome dos poderes, atk, habilidade, em japones, e tiraram os famosos -san -sama -nii -etc..., e o principal, não da pra baixar, só assistir online.

    Se isso fosse diferente, provavelmente quase não haveria mais fansubs, so pra series que a CC não pegasse;

    ResponderExcluir