sábado, 22 de novembro de 2014

Takumi "Jiraiya" Tsutsui dribla piadinhas em entrevista para o The Noite

Jiraiya em entrevista ao comendador Gentili (Foto: Divulgação/SBT)

Todos devem saber que o ator Takumi Tsutsui, o nosso eterno Jiraiya, está de passagem no Brasil para participar na Comic Con. Na noite desta sexta-feira (21) o ator foi entrevistado pelo Danilo Gentili no programa The Noite, do SBT. Assim como aconteceu com Jason David Frank (o Tommy dos Power Rangers), houve toda um furdúncio no palco por conta de mais uma visita ilustre ao nosso país, se referindo a um herói de tokusatsu.

Danilo foi aquela coisa. Fez perguntas sem muito entrosamento e não procurou saber mais a fundo de quem ele estava entrevistando ou porque ele está no Brasil. Zoou com termos em japonês, como no nome original da Espada Olímpica, que originalmente chama-se Jikou Shinkuu Ken (Espada do Vácuo Luminoso Magnético) e coisas do tipo. Mas Takumi teve que se sacudir pra fugir dumas perguntas bobas e sem graça do comendador. Até porque é japonês e não deve entender muito das malícias daqui.

Teve uma que Takumi respondeu sobre ele ser casado ou não, dizendo que não se dava bem com mulheres. Pra um japonês é uma resposta é simples e sem maldade. Daí Danilo vai pela via do buraco e tenta apresentá-lo ao guitarrista de banda. Takumi foi de boa cumprimentar o rapaz (que foi chamado de "Robin" do Jiraiya) pra tentar acabar com essa zoação inútil. Pra quebrar o gelo, levei ao susto ao ver Roger, do Ultraje a Rigor, falando japonês. Mas foi tudo uma encenação.

Quanto ao final da entrevista, foi meio forçado ver um cosplay do Jaspion pra tentar lutar contra o homem, seguido de Goku, um Pikachu deformado e um National Kid idoso. A entrevista valeu apenas pela presença do ator, mas achei muito fraca por conta das peraltices do Danilo.

A entrevista com o David Frank, lá nos tempos da Band, foi a melhor do gênero. Rendeu mais conteúdo. Já com o Tsutsui foi bem mais sofrido e o nosso ninja não merecia isso.

6 comentários:

  1. Eu achei até legal a entrevista dele no The Noite,ta certo foi muita zuação mas ele entrou na brincadeira também,mas o bom e que com o Danilo pelo menos temos um programa na tv aberta onde podemos ve-los hj em dia :).

    ResponderExcluir
  2. Assisti à entrevista só agora, 2016, no youtube. E concordo com suas críticas. Por exemplo, Danilo poderia ter explorado mais as impressões de Takumi sobre o Brasil, já que nossa cultura é bem diferente da dele. Ele disse que tem família aqui, outra deixa que Danilo poderia ter explorado. Ao menos a pergunta óbvia, de saber se os parentes moram na Liberdade, ou no interior de São Paulo - locais comuns aos japoneses aqui. A série teve um ano. Por que? O que houve? Um grande sucesso cancelado tão rápido? Nós sabemos as respostas, mas o público em geral não sabe, e estas seriam perguntas que Danilo poderia ter feito, tornando a entrevista bem mais proveitosa. Infelizmente, este rapaz tem uma super estrutura, e nem sempre aproveita. O momento de Leo Lins com Sylvester Stallone foi bem mais interessante...

    ResponderExcluir
  3. Realmente eu tbm concordo com as críticas, eu amava o personagem..., o Danilo poderia ter aproveitado melhor essa oportunidade, uma pena!

    ResponderExcluir
  4. Danilo quiz umilhar ele parecendo que ele fosse gay mais ele não entendeu bem apresentadorzinho sem graça Danilo e um tremendo idiota

    ResponderExcluir
  5. Não importa o quanto o convidado seja interessante se o entrevistador for fraco, Danilo não é entrevistador e um fã e ele se comporta como se tivesse 12 anos, e o estilo dele se tá dando audiência parabéns pra ele, até porque muita gente se identifica a maioria ao encontrar um grande ídolo agiria parecido

    ResponderExcluir
  6. O Danilo é mó babaca, assisti a entrevista foi super fraco, fez poucas perguntas úteis! O Takumi continua bonito como sempre

    ResponderExcluir