sábado, 5 de abril de 2014

Morre José Wilker, o eterno Roque Santeiro

José Wilker em 1985 como Roque Santeiro

Morreu na manhã deste sábado (5) o ator José Wilker, aos 66 anos. Ainda não se sabe a causa de sua morte, mas suspeita-se que o ator havia sofrido um infarto. Ele era natural de Juazeiro do Norte, Ceará. Nascido em 20 de agosto de 1947. Atuou em 49 filmes, sendo que chegou a contracenar com Sean Connery em O Curandeiro da Selva (Medicine Man, 1992).

Comentário: José Wilker foi um ator renomado na teledramaturgia brasileira. Um patrimônio histórico da TV e do cinema brasileiro. Mas particularmente falando, o seu personagem mais marcante foi o Roque Santeiro, na novela homônima de 1985. Não o acompanhei na época, pois nasci exatamente no mesmo ano em que a novela de Dias Gomes foi ao ar. Acompanhei mesmo na reprise do Canal Viva entre 2011 e 2012. O que me fez adquirir o DVD-box da mesma logo em seguida.

Zé Wilker esteve em seu melhor momento da carreira, onde ele interpretava um lendário herói da fictícia cidade de Asa Branca, que havia forjado sua morte e retornado depois de 17 anos. Wilker se destacou ao lado dos brilhantes Lima Duarte (o Sinhôzinho Malta) e Regina Duarte (a Viúva Porcina). Wilker deu um tom misterioso para o personagem, onde teve também seus momentos bem humorados. É uma obra que tem que ser valorizada nos dias atuais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário