quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Pitaco - O Pior da TV brasileira hoje


Quando é pra elogiar a gente elogia, certo? Quando é pra criticar a coluna Pitaco também solta o verbo. Hoje vamos falar sobre algumas coisas que acontecem na programação da TV aberta no Brasil. Tá certo que essa briga maldita por audiência já é rixa antiga (lembram do clássico Gugu x Faustão?). Mas o que a falta de criatividade e o cúmulo da insanidade não faz pra "renovar" público, hein.

***

No mês passado o SBT lançou o remake da novela Chiquititas. Pra falar a verdade, eu nunca gostei da novela. A começar pela antiga dos anos 90. Sei lá, desde aquela época eu tenho uma aversão e nunca fui com a cara das historinhas. Eu lembro que na época a briga era feia em casa por ter que disputar com irmã pequena porque eu queria ver a Manchete (Yu Yu Hakushô, Kamen Rider, etc.) e a Record (Zorro, Ratinho...). Hoje em dia a "raiva" não é tão grande quanto na época da infanto-adolescência. Eu não vejo mais esse tipo de novelinha emplacar. Posso estar engando, pois por aqui o recente remake brasileiro do Carrossel não fez um alarde todo com parece ter tido em São Paulo. Aliás, do Carrossel eu gosto. Da versão mexicana que bombou todas as vezes que a emissora do Silvão passou. Essa nova foi um lixo e nem precisava assistir o capítulo pra saber disso. Só em o cara ver as chamadas na TV já se tinha ideia de que o negócio era constrangedor. Meia falando em novela? No meu tempo não tinha isso não. Só nos programas educativos infantis da época e lá caia muito bem do que hoje. Agora cá pra nós, o que valia a pena no Carrossel recauchutado era a nova professora Helena, a Rosanne Mulholland. Um colírio para os olhos, né criançada? Ainda falando sobre tantos remakes, até a Globo não sabe mais o que criar. Repaginaram Saramandaia há pouco tempo e ainda está no ar. Se fizerem a mesma besteira com Roque Santeiro vão estragar a obra. Tô certo o tô errado?

***

Se tem uma emissora que hoje eu não engulo é a Recópia! Digo, digo, a Record. Já fui muito fã nos anos 90 quando a programação era de qualidade e tinha uns desenhos e seriados legais o dia todo. Depois de tanto falar mal da Globo e coisa tal e tal e coisa, ficou bem pior do que a "toda-poderosa". Então, alguém me diz se as novelas de lá fazem algum sucesso? Eu desconheço! Depois da trilogia dos Mutantes o povo parece ter ficado com um pé atrás. E digo mais, nos últimos anos estas perderam a bagagem que tinham há uns 6-7 anos atrás quando passavam mais cedo. Não tem mais expressividade. E o que dizer de Dona Xepa? Mais um remake mal feito pra dedel com um dramalhão de dar sono. Essa moda de "recriar" novela pega mesmo, viu. Nam!

***

Este sim não tem como não falar. Quem aí aguenta assistir o João Kléber numa mega maratona de 7 dias na semana? Eu também não. A crise abateu de vez na RedeTV! O homem voltou do aquém da mídia com "força total". E como sempre sem novidade nenhuma. O Teste de Fidelidade virou um programa solo e as histórias e situações são parecidas com a primeira fase do "ex"-humorista no canal. E durante a semana ele comanda o programa Você na TV (quem?), onde lá aparece algum casal onde um tem que revelar um grande segredo. Ontem mesmo estava de bobeira em casa e vi toda a enrolação do João Kléber pra uma revelação bombástica de um convidado que precisava confessar um segredo para a esposa. Sabem o que era? O cara tinha medo de escuro! E esse leriado todo pra ir na TV dizer isso?! Não creio. Ah João, volta pra Portugal e fica por lá mesmo, vai...




Nenhum comentário:

Postar um comentário