quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Kamen Rider Taisen diverte mesmo com os velhos furos

O pioneiro Takeshi Hongo e os Showa Riders

O filme Heisei Riders vs. Showa Riders: Kamen Rider Taisen feat. Super Sentai foi lançado em DVD e Blu-ray no último final de semana, e consequentemente caiu na web. Alternativas à parte, pudemos assistir a mais um filme de crossover dos super-heróis da Toei Company e que no geral não quer dizer nada no final.

O que esperávamos do filme? Que fosse um mais um crossover sem nexo e com uma desculpa esfarrapada no final. E foi até. Só que com um pouco mais de história. Os velhos vilões que apareceram, morreram e voltaram das cinzas estão quase todos lá. Até deu pra ver de lampejo alguns que não víamos a muito mais tempo como Baraom e Bilgenia (Taurus no Brasil) de Kamen Rider Black. Quem esteve na liderança do funesto plano para colocar os Heisei e os Showa Riders pra brigar foi o Império Badan, que foi o clã inimigo de Kamen Rider ZX (lê-se: zêcross) há 30 anos atrás. A intenção de Badan foi inverter os mundos dos vivos e dos mortos.


Showa Riders em destaque

Sabe aquele plano de enganar o aliado pra enganar o inimigo? Então, a mesma desculpa que vimos no Super Hero Taisen e outros surubões do estúdio está lá. A começar pelo ator Shun Sugata interpretar o vilão Embaixador das Trevas (Kurayami Taishi em japonês) e logo depois sair de seu "disfarce" e mostrar que era na verdade Ryo Murasame/Kamen Rider ZX. E O Generalíssimo de Badan (Badan Sotô) sabia dos planos. O protagonismo de ZX fica mais pro final do filme, como parte de uma comemoração de aniversário do especial de TV 10-gō Tanjō! Kamen Rider Zen'in Shūgō!! (exibido exibido em 3 de janeiro de 1984 pela TV Asahi). Inclusive, a versão recauchutada da música "Dragon Road", cantada por Akira Kushida, é bacaninha.

O ponto forte da trama foi a interação e rivalidade entre Takumi Inui/Kamen Rider Faiz e Keisuke Jin/Kamen Rider X. O jovem da série 555 teve que lutar contra seu próprio passado (teve até flashbacks) pela morte de Masato Kusaka/Kamen Rider Kaixa.

Kamen Rider Taisen teve breves participações de Tsukasa Kadoya/Kamen Rider Decade e do vilão Narutaki. Que continua sendo canastrão e sem dizer ou saber o que realmente ele é, faz ou o que quer no final das contas. O estranho é que Tsukasa estava mais pra ajudar do que ser misterioso. Bem atípico dele. Foi até interessante pra quebrar o gelo. Curti também a aparição do Shotarô Hidari/Kamen Rider Double. O cara é engraçadíssimo demais. Teve até um lampejo do chinelo da Akiko. A luta entre Joker e Baron contra Black e Black RX também foi um dos melhores momentos. Por curiosidade, o Black chegou a substituir o Stronger dentre os Sete Riders Lendários.


Kamen Rider Fifteen

Como manda a tradição, tem que ter algumas coisas bem fora de nexo num filme desses da Toei. Em tempo, quando foi que os irmãos Kureshima -- da série do Gaim -- lutaram juntos? Até à época, não lembro disso ter acontecido. As aparições de Daigô Kiryu/Kyoryu Red e dos ToQger foi totalmente dispensável. Entraram de gaiatos no navio. (rsrs) Apareceram pra dar o ar de suas graças e nada mais do que isso. Até o Kamen Rider "Momotaros" Den-O lutou junto dos heróis contra O Generalíssimo de Badan na sua "forma perfeita". Não posso esquecer do Kamen Rider Fifteen que usava Lock Seeds dos Heisei e dos Neo-Heisei Kamen Riders. Não chega a ser um grande vilão. Pena que não usou todos os poderes dos 15 Riders.

Enfim, tivemos a participação do ator Hiroshi Fujioka como Takeshi Hongo/Kamen Rider 1-gô. Um novo henshin do herói após 38 anos do especial de TV Zen'in 7-gō! Shichinin no Kamen Rider!! (exibido em 3 de janeiro de 1976 pela NET [atual TV Asahi]). Uma pena que o herói foi pouco aproveitado, mas ainda assim conseguiu chamar atenção diante a sua liderança aos Showa Riders. Como já sabemos, quem vence a guerra são os Heisei. Decidida numa votação interativa pela internet. Mas não senti tanta emoção neste final, pois o perdedor teria que assumir a derrota e depois todos se cumprimentam, contemplam o pôr-do-sol, tudo acabou em pizza e ficou por isso mesmo. Mais um fan service serviu de caça-níquel.

Apesar dos pesares, Kamen Rider Taisen consegue agradar. Você até esquece que já viu umas bizarrices em filmes como All Riders vs. Dai Shocker, Let's Go Kamen Riders, Super Hero Taisen, etc. O filme é digno de uma "Sessão da Tarde" da vida pra se entreter e nada mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário