sexta-feira, 24 de abril de 2015

Dohko promove uma batalha forçada para Aldebaran em Alma de Ouro

Dohko apresentando o seu companheiro para o oponente (Foto: Reprodução/Daisuki)

O segundo episódio de Os Cavaleiros do Zodíaco - Alma de Ouro já está no ar (se você ainda não sabe como assistir por vias oficiais, saiba aqui e dê essa força pra Toei) e tivemos duas lutas paralelas. De um lado, Mu de Áries que enfrentou o terrível Guerreiro Deus Fafner de Nidhogg. Do outro, tivemos um outro Guerreiro Deus chamado Hércules de Tanngrisnir.

De início poderíamos pensar que Dohko de Libra assumisse a batalha contra este. Mas sendo bem descontraído num momento sério, Dohko acabou jogando uma "batata quente" nas mãos de Aldebaran de Touro. Ou seja, pra limpar sua barra após ter perdido feio de Shido de Mizar no início da fase clássica de Asgard. Foi meio forçado, mas algo bem engraçado pra quebrar o gelo. E que deve acontecer em CdZ de vez por outra e na medida certa.

O legal desse episódio foi a interação paralela das dúvidas de Mu e principalmente de Aldebaran por não saberem o porquê deles estarem em Asgard e o motivo pelo qual estão realmente lutando. Foram poucos minutos (se comparados à quantidade de episódios as lutas levavam antigamente), mas suficientes para mostrar o caráter valoroso do Cavaleiro de Ouro brasileiro (paraense como revelado há algumas semanas pela Bandai).

Olha, se tivermos duas batalhas paralelas como no episódio de hoje, será até mais fácil de deixar a segunda metade da trama de 13 episódios. O que deve superar a atual fase de batalhas dos Cavaleiros de Ouro contra os novos Guerreiros Deuses. Assim esperamos.

E tem uma frase que Mu disse para Lyfia no começo do episódio: "O Leão adormecido. Ou melhor, o Leão que já dormiu demais espera por você."

Épico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário