terça-feira, 11 de abril de 2017

Dramas na Netflix: Samurai Gourmet


Em paralelo à estreia de Punho de Ferro, a Netflix lançou uma série interessante, principalmente para os amantes da cultura pop japonesa. Agregando à lista de dramas orientais com o selo de exclusividade do canal de streaming, está no ar a série Samurai Gourmet.

O título é uma adaptação do mangá Nobushi no Gourmet, de Masayuki Kusumi. Inicialmente a história parece ser ambientada em antigas eras dos samurais. É daí que conhecemos um guerreiro de nome desconhecido (vivido por Tetsuji Tamayama, o Gao Silver de Gaoranger). Por outro lado, vemos Takeshi Kasumi (Naoto Takenaka, que já participou de Kamen Rider Ghost). Um homem de 60 anos que acaba de se aposentar. Ele não é um samurai e é um personagem dos nossos dias. O que os dois personagens, de eras distintas, tem em comum? Sem ter mais que o que fazer na vida, Kasumi passa a experimentar vários pratos de diferentes locais/estabelecimentos ao mesmo tempo em que se depara com determinadas situações de seu próprio cotidiano. É aí que surge o samurai como uma figura de inspiração para resolver tais problemas. Ou quase.

A série Samurai Gourmet tem apenas 12 episódios com média de 20 minutos cada. As histórias são contadas com naturalidade e sem cair na monotonia. A interação é a narrativa do próprio Kasumi que liga um determinado momento do episódio com algum ponto de sua vida. Ligando à culinária que não é um mero elemento e tem tudo a ver com a narrativa. O imaginário do samurai acontece de repente e sem explicação. É mais na situação onde Kasumi pensa "o que ele faria no meu lugar?". Kasumi vive com sua esposa (interpretada pela veterana Honami Suzuki) que sempre lhe motiva a buscar novos hobbies para viver.

Curiosamente, Samurai Gourmet recebe as participações especiais de Susumu Kurobe (o primeiro Ultraman) e Gorou Ibuki (Hikoma Kusakabe de Shinkenger). Dois renomados atores de tokusatsu no mesmo episódio.

Bom, Samurai Gourmet me pegou de surpresa e tem me agradado pela trama simples, simpática e sem pretensões e o carisma de Kasumi.

Leia também:

- Dramas na Netflix: Midnight Diner

- Dramas na Netflix: Hibana e Good Morning Call

Nenhum comentário:

Postar um comentário