quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Só criança inocente vai esperar pela terceira temporada de The Lost Canvas em 2016

The Lost Canvas é uma das pendências da franquia em animê

As comemorações dos 30 anos de Os Cavaleiros do Zodíaco começaram desde novembro, se contarmos com a primeira publicação do mangá da série pela Weekly Shonen Jump (antes da mítica estreia na TV Asahi em outubro de 1986). Já foram produzidas várias mídias relacionadas ao universo de Seiya e cia. Seja em mangá, anime, OVAs, games, cinema, etc. A gente sabe que os lançamentos inéditos na TV e no cinema são os mais barulhentos. Não por serem simplesmente áudio-visuais, mas sim por algumas destas produções serem baseadas nos mangás ou mesmo fillers (como Omega e Alma de Ouro). 

Sendo franco, por enquanto não tenho muitas expectativas para Os Cavaleiros do Zodíaco em 2016, além das comemorações que venhamos a fazer na internet e eventos de cultura pop. Não que eu esteja desacreditado ou coisa assim. É que geralmente deixo para esperar por algo depois de um anuncio oficial. Acho bem melhor do que criar expectativas e viajar em sonhos distantes que talvez fiquem improváveis de serem reais. Assim como muitos, também quero uma terceira temporada de The Lost Canvas no futuro. Mas é preciso ter os pés no chão quando o assunto é Tenma, Yato e Yuzuriha. Muitos criaram uma "rinha de galo" entre esta obra e Os Cavaleiros do Zodíaco Omega. Daí muita confusão misturada com mimimi e por aí vai.

Lembro que na época muita gente ficava comparando Cavaleiros de Ouro de The Lost Canvas com os de Bronze de Omega. Nada a ver. O exagero foi tanto que muitos "fãs" esqueceram que Ouro é um nível superior entre os Cavaleiros. Outro detalhe: The Lost Canvas foi feito para um público jovem/adulto e Omega foi feito para atrair os mais novinhos. Omega pode ter lá alguns elementos que não tiveram muita ligação ou referência à mitologia de Masami Kurumada. Mas foi uma boa série que teve seus altos e baixos. Mas comparar com The Lost Canvas seria comparar peso-mosca (sem pejoratividade com Kouga e sua turma) com peso-médio-pesado (considerando a violência moderada da série de Tenma de Pégaso). Jogo baixo, concorda?

Ah, não esqueçamos que Omega foi produzida pela Toei Animation e The Lost Canvas pela TMS Entertainment. Poderia haver uma série nova e continuar outra? Sim. Mas tudo depende dos tramites que rolam nos bastidores de cada estúdio. Sabe-se lá qual a dificuldade pra sair a terceira temporada de The Lost Canvas. Frisando de novo: isso não tem nada a ver com Omega ou qualquer produção da franquia pela Toei Animation.

Falando nisso, quem acompanha - de verdade - as notícias sobre CdZ sabe que a mangaká Shiori Teshirogi respondeu recentemente que havia conversado com o pessoal da revista Bessatsu Shonen Champion, da Akita Shoten, sobre a produção de mais episódios da série. Resposta: Nada planejado até o momento. O mais engraçado é que nesta semana a terceira temporada da série foi anunciada na Espanha, mas tudo não passou de uma brincadeira do dia dos tolos (equivalente ao dia da mentira por lá e em outros países). E teve quem caiu e não pensou duas vezes antes de averiguar se a informação procedia.

Se você é daqueles que fez pedido a Papai Noel pra trazer The Lost Canvas de volta com novos episódios, então é melhor se contentar com as reprises na Tokyo MX no mês que vem e tente nas próximas festas de fim de ano. Do contrário, melhor esperar sentado, pois em pé cansa.

Um comentário: