quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Jason Faunt é um bom teste para vinda de mais astros do tokusatsu em eventos no Norte-Nordeste

Jason Faunt ao lado do seu xará David Frank

Fiquei bastante surpreso quando saiu ontem o anúncio do ator Jason Faunt para o Sana Fest 2016, aqui em Fortaleza (Ceará). Pela primeira vez a nossa (pelo menos pra mim) capital alencarina recebe um ator de tokusatsu. Sendo mais preciso, da franquia Power Rangers. Faunt nada mais é que o ator que interpretou o boa praça Wes, o Ranger Vermelho da série Power Rangers Força do Tempo. Na mesma série também viveu o seu sósia do futuro, Alex (que era o Ranger Vermelho da Força do Tempo do ano 3000). No mesmo fim de semana, ele estará São Paulo no evento 4 Fun Fest.

Faunt nasceu em Chicago, no subúrbio de McHenry, Ilinois. Estudou no McHenry West High School, onde se graduou na mesma turma de Matt Skiba, integrante da banda de punk rock estadunidense Alkaline Trio. Com o talento atlético para se tornar um jogador profissional de beisebol, optou por se mudar para Los Angeles e seguir sua carreira como ator. Foi daí que começou na série de 2001 onde ficou famoso. Casou-se com sua esposa Stephanie, em setembro do ano seguinte, com quem tiveram duas filhas. Curiosamente, quando era noiva do ator, Stephanie aparece no episódio 25 (Locuras no Cinema - Parte 2) numa cena em um bar. O mesmo foi dirigido por Koichi Sakamoto.

Em seu currículo, Jason Faunt já participou de alguns filmes e séries das TVs americana e britânica. Um trabalho bem notório dele fora de Power Rangers aconteceu em 2012 no jogo Resident Evil 6, onde fez captura de movimento para o personagem Leon S. Kennedy.

Voltando a falar sobre Power Rangers: Faunt participou de quatro episódios de Power Rangers Força Animal. Três como Wes e mais um dublando o monstro Bulldozer Org (no oitavo episódio). Ano passado reapareceu como o herói que o consagrou no final de Power Rangers Super Megaforce, ao lado de alguns outros atores veteranos da grande franquia da Saban.

Jason Faunt é um bom nome para testar futuras vindas de demais atores das séries de tokusatsu em Fortaleza. Melhor, no Norte-Nordeste. Se fizer sucesso, sem dúvida será um chamariz para a vinda de astors do gênero. Seja de Power Rangers, seja de séries japonesas. Por que não? E Jason Faunt é uma garantia certa. O carisma de seu personagem e também sua popularidade em alta em eventos americanos (assim como os de seus colegas de franquia) são pontos imprescindíveis que podem garantir o valor do investimento.

E aqui vai uma humilde opinião deste blogueiro que vos escreve: tanto o Sana como outros daqui da nossa terra-do-sol entender que a vinda de atores/atrizes de tokusatsu são rentáveis. Arrisco a ser ousado: é são cartas na manga pra qualquer evento de cultura pop do gênero. Temos sim um público que curte estas séries. Tanto da era Manchete quanto da geração que cresceu assistindo Power Rangers. É só ver o sucesso não distante em outras cidades por onde passaram Hiroshi Watari (Sharivan/Bomerman/Spielvan), Takumi Tsutsui (Jiraiya) e Jason David Frank (Tommy). Aliás, fica a dica para estes três nomes que arrastam multidões por onde passam. Uma convenção bem elaborada entre atores americanos e japoneses do estilo, como acontece nos EUA, são exemplos infalíveis do que poderia acontecer por aqui. Com certeza os eventos locais não terão nada a perder se testarem, pois tem mais a ganhar e inovar.

E Jason Faunt é um tiro certo. Podem anotar o que eu digo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário