quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Witch Craft Works


Hoje cedo eu pude assistir ao anime Witch Craft Works. Uma boa surpresa para a temporada de inverno (no Japão, claro) para começar bem esse novo ano.

O anime está programado para ter 12 episódios e sua estreia aconteceu neste domingo às 22:30 na Tokyo MX e na quarta-feira pelos canais AT-X, BS11 e ABC TV.

A história gira em torno do estudante de ensino médio Honoka Takamiya, que sempre se senta ao lado da popularíssima Ayaka Kagari. A garota é alta/inteligente/formosa e é idolatrada por todos os estudantes da escola que formaram um fã clube dedicado a mesma. Apesar de ser inexpressiva e, aparentemente, não demonstrar nenhum carinho por nenhum deles. Os dois nunca se falaram e sempre que o rapaz tenta chegar perto da moça, Takamiya é alvo de ameaça para o tal fã-clube.

A vida dos dois adolescentes se cruzam de fato quando Takamiya encontra um bicho de pelúcia com um bilhete que dizia algo sobre o colégio cair. Misteriosamente é o que acontece no mesmo momento. O rapaz é salvo por Kagari, que estava vestida de bruxa e voando numa vassoura (típico, hein!). Depois de salvá-lo, Kagari diz ao Takamiya-kun que ele é protegido por ela e que faz parte de sua missão, pois ele é sua "hime-sama" (Princesa, no bom sentido da coisa).

Como se não bastasse os ciúmes do fã-clube, Takamiya é atacado pela misteriosa bruxinha Tanpopo Kuraishi. A porrada rola à solta entre Kagari e Kuraishi. Ao final, descobrisse que Kuraishi e sua gangue de feiticeiras foram transferidas para a mesma escola de Takamiya e Kagari. Acirrando a ansiedade para os próximos episódios.

A julgar pela estreia, Witch Craft Works diverte mesmo sendo um anime seinen (jovem homem) de ação/sobrenatural. O legal é o affair subtendido de Takamiya por Kagari. Ou seja, ser atraído por uma garota popular e não entender direito o que sente por ela. Vocês tem que ver o primeiro episódio pra entender. É bacana demais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário